Betfair sem prespectivas, Bet365 com discurso optimista

Conclusões retiradas na #LIAC2018

C om uma con­fer­ên­cia de afil­i­a­dos a decor­rer no nos­so país numa altura destas, em que há pou­ca boa ofer­ta para os apos­ta­dores on line, era obri­gatório per­gun­tar às duas casas de apos­tas desporti­vas que já foram as mais pop­u­lares no nos­so país (a Bet­fair e a bet365) em que pé estavam as coisas. Sabíamos que não iri­amos con­seguir grandes novi­dades, mas ao menos poderíamos ter uma mel­hor noção do que nós pode esper­ar. Então vamos lá começar…

 stand da Pad­dy Pow­er, o grupo que detém a Bet­Fair, era, entre as grandes empre­sas de jogos on line pre­sentes na LIAC (Lis­bon Affil­i­ate Con­fer­ence), a mais mod­es­ta do Pavil­hão 4 da Feira Inter­na­cional de Lis­boa, no Par­que das Nações.

Mas é coer­ente. Porque a Bet­fair é tam­bém a empre­sa que menos tem para ofer­e­cer, infe­liz­mente, aos apos­ta­dores por­tugue­ses. Ficou claro que casa de apos­tas não irá oper­ar tão cedo em Por­tu­gal. Pelas con­ver­sas que tive neste stand, as pre­spec­ti­vas para os próx­i­mos cin­co anos são muito reduzi­das. Bet­fair e o Tur­is­mo de Por­tu­gal já tiver­am con­ver­sações, mas a a casa de apos­tas não cede na sua posição (tem tudo a ver com a ele­va­da trib­u­tação do Esta­do por­tuguês ao jogo online), e daqui­lo que deu para perce­ber nes­ta feira de jogo online o mer­ca­do por­tuguês não é pri­or­i­dade para a Pad­dy Pow­er.

Con­clui a con­ver­sa com um “por este andar nem den­tro de cin­co anos vai ter Bet­fair em Por­tu­gal”, e ninguém me negou. Rece­bi ape­nas um sor­riso como a con­cor­dar que se nada mudar, os apos­ta­dores por­tugue­ses vão ficar pri­va­dos durante muito tem­po daque­la que é con­sid­er­a­da como uma das mel­hores casas de apos­tas a oper­ar no nos­so país.

Já o dis­cur­so na bet365, out­ra das casas de apos­tas muito pop­u­lares entre os apos­ta­dores por­tugue­ses, o dis­cur­so é um pouco difer­ente. Sem novi­dades, mas mais opti­mista. O ger­ente que nos rece­beu para uma peque­na reunião (na sua casa bem cati­ta que até tin­ha matraquil­hos para entreter, e um lounge no piso supe­ri­or para relaxar) rev­el­ou que a Bet65 ain­da não desis­tiu do mer­ca­do por­tuguês, e que man­tém con­tac­to com o Gov­er­no por­tuguês.

Um panora­ma do stand da bet365 na LIAC2018

A tax­ação de impos­tos é um prob­le­ma, mas mes­mo assim o mer­ca­do por­tuguês é apetecív­el para a bet365. Eles sabem que eram uma casa muito pop­u­lar no nos­so país, e por isso estão disponíveis para desen­volver esforços para entrar em Por­tu­gal. Mas não será a qual­quer cus­to, e não tão cedo. “Em 2019 de certeza que não estare­mos no mer­ca­do por­tuguês. Mas depois quem sabe. É uma pos­si­bil­i­dade. Nós quer­e­mos”, diz-nos o ger­ente.

Por­tan­to, esta é uma média boa notí­cia. Ape­sar de tudo, a bet365 está com von­tade no nos­so país, ao con­trário da Bet­Fair. Con­clusão: é faz­er  figas para que a bet365 ten­ha condições para entrar no nos­so país. Porque rel­a­ti­va­mente à Bet­fair bem que podemos esper­ar… deita­dos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here