pensamento-2

Não há muito o que resumir deste pensamento. Numa conversa que tive com um colega neste mundo das apostas, nota-se que há cada vez mais tipsters, há milhares de grupos, e todos eles dão milhares de euros aos seus clientes. Só posso chegar à conclusão que devemos estar todos ricos no mundo das apostas desportivas. Ou então não… A estatística diz que só 10% dos apostadores conseguem viver à grande e à francesa com o negócio das apostas desportivas. Os restantes 90% conseguem ganhar uns trocos (para ser simpático, e não dizer que têm sucessivos meses de prejuízo).

A verdade nua e crua do mundo das apostas é que toda a gente vai perder. Não há cá campeões que digam que os seus prognósticos são 100 por cento certo. Bem, tal como eu escrevo no pensamento, na verdade há dois tipos de apostadores que não perdem: os que não entram nos mercados, e os mentirosos.


CaXemirabet by O Homem de Caxemira
caxemirabet@gmail.com | www.caxemirabet.com | Facebook

 
COMPARTILHAR
Artigo anteriorO dia em que perdi €3000… investindo €10
Próximo artigoJornais desportivos vão “mandar” nas apostas desportivas
Sou apostador desde 2013, e sou um apaixonado por esta área. Vivo em Lisboa, sou adepto do Benfica (mas não doente), e criei projecto CaXemira Bet em 2015 para partilhar prognósticos (com principal incidência sobre o Futebol) e algum conhecimento sobre o mundo das apostas desportivas. Tento explicar aos iniciados, com uma linguagem acessível, e através de experiências próprias, algumas dicas e técnicas de sucesso.

DEIXE UMA RESPOSTA